Pets em condomínio

Pets em condomínio

O que diz a Lei ?

Ter um pet de estimação em condomínio é um direito garantido pelo artigo 1.228 do Código civil. Há direitos e deveres relacionados ao assunto, mas restrições por parte de sídicos podem acarretar em problemas judiciais. Exigir que a circulação em área de uso comum com o animal somente no colo, pode ser entendida pela justiça como ilegal ou que gere constrangimento, com penas previstas no artigo 146 do código penal.

Por outro lado, condôminos possuem também a obrigação que se refere aos pets. O respeito ao outro é indispensável, caso haja perigo à saúde e segurança dos moradores, além de perturbação ao sossego, isso poderá ser questionado.

Então quais são as regras para ser ter um animal de estimação em condomínio ?

Algumas regras são mais comuns, vai depender do regimento interno e uma convenção, sendo :

* Estar sempre com o animal na coleira ou focinheira;

* Recolher os dejetos do pet quando esse estiver em área de uso comum;

* Manter a higiene da unidade para evitar mau cheiro em corredores;

* Evite deixar crianças sozinhas com o pet nas área comuns.

Você sabe o que é pet care ?

Pet Care é um ambiente criado para presença de animais de estimação, onde o próprio dono possa realizar os cuidados com seu pet.

Vai algumas dicas de boa convivência:

* Garantir que o animal esteja com as vacinas em dia e em boas condições de higiene;

* Certificar-se que o animal ande sempre junto ao corpo, com guias e coleira;

* Criar estratégias para controlar o barulho excessivo, principalmente de madrugada, momento que os condôminos estão descansando;

* Domestique seu animal, de modo que  ao estar na presença de outras pessoas não estranhe e cause algum tipo de agressão.

 

 

 

« voltar